Viagem em família: 10 dicas para não passar nenhum perrengue

Confira a lista de tudo o que você precisa para viajar com as crianças com tranquilidade (ou quase isso!)

163
Menina de chapéu e óculos de sol no porta mala do carro
Protetor solar, chapéu e documentos em dia fazem parte do checklist prévio ao passeio
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais

Os dias quentes e os diversos feriados previstos no calendário até o fim do ano têm feito com que muitas famílias decidam tirar alguns dias de descanso. E por mais animador que seja poder mudar a rotina e fazer uma viagem com as crianças, nem sempre é fácil ter de lidar com estradas cheias ou aeroportos lotados e ainda pensar nos cuidados com os pequenos durante o trajeto. Na lista abaixo, veja lista com 12 itens e lembretes para evitar contratempos e garantir um passeio tranquilo com os filhotes.

1 – Brinquedos que não ocupem espaço 

Ter à mão alguns jogos e brinquedos para entreter as crianças é fundamental. Porém, em vez de objetos grandes, que ocupam muito espaço, opte por jogos de cartas ou memória, papéis e giz de cera, que podem ser levados facilmente em qualquer bolsa ou mochila. E se tiver algum item que seu filho goste e que vá usar no destino, deixe-o guardado na bagagem da criança.  

2 – Lanches simples 

Para evitar comprar alimentos pouco saudáveis ou correr o risco de pagar preços abusivos, vale preparar alguns lanchinhos para consumir durante o trajeto até o destino escolhido. Para os bebês, além do leite ou fórmula, frutas podem ser´bem atrativas aos pequenos, servidas inteiras, em cubinhos ou mesmo em uma papinha improvisada. Para os mais velhos, suco, fruta e um lanchinho leve também são indicados.

3 – Kit de primeiros socorros 

Leve com você medicamentos indicados pelo seu pediatra para aliviar náuseas ou enjoos, assim como curativos adesivos, um termômetro, um repelente para picadas de insetos e um creme recomendado pelo seu pediatra para queimaduras solares. 

4 – Protetor solar 

Item indispensável principalmente se vocês forem à praia, sítio ou locais onde farão passeios a pé. Além do protetor, é importante levar chapéus e camisetas com proteção UV. Lembre-se que a pele das crianças pequenas é delicada e qualquer incidência de sol ou muita luz (no caso do frio), pode queimar áreas expostas do corpo.  

LEIA TAMBÉM:

5 – Bateria recarregável 

Sem dúvida você tirará muitas fotos com o seu celular durante as férias, por isso, contar com uma bateria recarregável ajudará você a não ter que parar em qualquer lugar para carregá-lo. Sem contar que esse item também pode ser útil no dia a dia.  

6 – Fraldas e uma troca de roupa extra

Para qualquer emergência, é importante inlcuir na bolsa de mão algumas fraldas, lenços umedecidos e uma troca de roupa para as crianças. Avalie levar uma quantidade maior de fraldas na mala e assim não ter de se preocupar com isso na viagem nem estar sujeito a pagar mais caro por elas.

7. Planeje bem o tempo  

Lembre-se que, ainda que você possa fazer check-in on-line ou imprimir o cartão de embarque em casa, você terá que despachar parte da bagagem e ainda passar pela segurança, o que demanda tempo nas épocas de maior movimento que têm filas mais longas. Com crianças pequenas, o processo toma mais um pouco de tempo. Prepare-se para chegar no tempo recomendado ou até um pouco antes. 

8. Consulte o pediatra para as recomendações  

Às vezes a pressão que é gerada na cabine do avião ou até ao transitar em regiões de serra pode afetar os ouvidos dos bebês ou das crianças pequenas, fazendo que sintam muita dor. Antes da viagem pergunte ao pediatra o que você pode fazer para aliviar este mal-estar e também possíveis enjoos que são condições comuns em viagens.

9. Transmita tranquilidade para seu bebê 

As turbulências, assim como o momento da decolagem, ou muitas curvas na estrada, podem dar um pouco de medo. Procure ficar calma nesses momentos e assim passar tranquilidade para as crianças. Lembre-se que assim como os adultos olham para a tripulação para se tranquilizar, os bebês olham para seus tutores. E se as crianças não conseguem se acalmar durante a viagem, averigue a possibilidade de mudar de lugar para as últimas fileiras de assentos, onde geralmente há mais lugares vazios, facilitando a movimentação para esticar as pernas e, se for o caso, embalar o bebê. 

10 – Deixe tudo pronto para a hora da saída

Dias antes da viagem, reúna todos os documentos necessários e deixe em um só lugar as passagens, passaportes ou identificações bem como a bagagem de mão organizada. Se a viagem é de de avião, consulte a companhia aérea para saber o que está permitido levar nela e quais são as restrições. Observe também se está com a documentação correta, que pode variar dependendo do tipo de voo ou nos deslocamentos interestaduais, o que vai facilitar na hora de provar a tutela da criança ou até mesmo caso precise usar algum serviço de saúde.

*Fonte: projeto Mais Abraços, da Huggies.  

Gostou do nosso conteúdo? Receba o melhor da Canguru News, sempre no último sábado do mês, no seu e-mail.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui