Livros e gibis on-line e gratuitos para incentivar a leitura das crianças

Pais podem acessar livros e gibis on-line gratuitos para incentivar as crianças a lerem mais

8592
Pais podem acessar livros e gibis digitais gratuitos para incentivar as crianças a lerem mais durante quarentena.

Leia em 6 minutos

A 5ª edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, coordenada pelo Instituto Pró- Livro, mostrou uma queda no número de leitores no país, entre 2015 e 2019. No entanto, na faixa etária de 5 a 10 anos ocorreu o inverso – houve um aumento no número de crianças leitoras, felizmente! Diversos estudos já mostraram que a leitura traz diversos benefícios aos pequenos, não só relacionados ao desenvolvimento da escrita, interpretação de textos e quesitos como imaginação e criatividade, mas também para a sua personalidade, nas relações dentro de casa e em sua vida social. Isso mostra como é importante estimular a leitura nas crianças desde a infância, das mais diferentes formas – seja lendo para elas, seja incentivando que leiam sozinhos, ainda que do sei jeito. Pensando nisso, reunimos livros e gibis infantis que estão disponíveis gratuitamente para você ler com os pequenos. 

Amazon 

A Amazon disponibilizou 50 mil livros digitais para baixar gratuitamente. Entre os títulos, há várias obras infantis, por exemplo, clássicos como “Peter Pan” e o “Rei Leão”, e diversas edições de “Harry Potter”. Também há “A Vizinha Antipática que Sabia Matemática”, de Eliana Martins e Suppa, que conta a história de Theo, um menino que não gostava nem um pouco de matemática. Há ainda “Vamos dar a volta ao mundo?”, de Marina Klink, que convida os pequenos a se juntarem à família Klink para conhecer o planeta. Clique aqui para conferir todas as obras disponíveis. 

Os títulos fazem parte do programa Kindle unlimited que exige uma conta válida na Amazon.com.br e uma forma de pagamento válida vinculada a essa conta. Após os 30 dias de plano promocional, os clientes serão cobrados mensalmente pelo preço regular do programa (R$ 19,90 ao mês), porém, a renovação automática pode ser desabilitada a qualquer momento.As obras baixadas na Loja Kindle da Amazon podem ser lidas nos dispositivos leitores Kindle ou no aplicativo gratuito Kindle, disponível para computadores, tablets e celulares (Android e iOS). 


Leia também – 11 livros para conversar sobre a morte com as criancas


Editora Pulo do Gato 

A editora está compartilhando alguns de seus títulos infantis gratuitamente no Issuu, acompanhados por um pequeno roteiro de como explorar cada obra. Abaixo, os links para acessar os títulos que já foram disponibilizados e os manuais de como explorar: 

Diário de Blumka 
E-book | Manual de leitura

Eloísa e os bichos 
E-book Manual de leitura

Letras de carvão 
E-book | Manual de leitura

‘Amal’

As lojas de aplicativos oferecem opções de livros digitais, aplicativos que narram histórias com ilustrações e animações. Entre eles, “Amal”, cuja protagonista é forçada a deixar sua casa na Síria por conta da guerra. A autora é Carolina Montenegro. A história tem narradores, fundo musical e ilustrações de Renato Moriconi. Ed. Caixote. Disponível no Google Play e na App Store


Leia também – 6 livros que falam sobre abuso sexual (e ajudam a preveni-lo)


Laboratório de Educação 

Organização não governamental (ONG) fundada em 2012 pelas educadoras Beatriz Cardoso e Andrea Guida Bisognin, esse Laboratório busca sensibilizar adultos sobre seu papel na aprendizagem das crianças através de várias plataformas. Uma dessas plataformas é o Espaço de Leitura, que oferece livros digitais com acompanhamento de jogos, sugestões para os pais de como aprofundar as histórias e atividades que ajudam no aprendizado da criança. Os livros podem ser ouvidos, com a opção de também assistir alguém o lendo. Clique aqui para acessar o site. 

Coleção Kidsbook – Leia para uma criança 

O site “Eu leio para uma Criança”, iniciativa do banco Itaú, tem vários livros digitais com ilustrações interativas. São títulos de obras conhecidas, entre as quais “Malala, a menina que queria ir para a escola”, de Adriana Carranca, “A bicicleta voadora”, de Antonio Prata, e “O sétimo gato”, de Luis Fernando Verissimo. É possível ler todos no site, onde as ilustrações se mexem e há sons. Sete deles também estão disponíveis em PDF, podendo ser acessados mesmo quando não há conexão. Clique aqui para acessar o site e ver todos os livros disponíveis. Ou clique nos títulos abaixo para baixar alguns PDFs. 

As Bonecas da Vó Maria – de Mel Duarte 
A Menina das Estrelas – de Tulipa Ruiz 
O Cabelo da Menina – de Fernanda Takai 
Meu Amigo Robô – de Giselda Laporta Nicolelis 
Azizi, o Menino Viajante – de Conceição Evaristo 
O Menino e o Foguete – de Marcelo Rubens Paiva 
A Canção dos Pássaros – de Zeca Baleiro


Leia também – Deixar crianças em frente às telas pode não ser tão ruim, dizem especialistas


Coleção sobre mulheres empreendedoras

Para comemorar o mês da mulher, em março, a fintech SumUp lançou três livros digitais ilustrados com relatos sobre mulheres empreendedoras – “A menina que construía”, “Vendedora de sonhos” e “A mãe que fazia mágica”. As narrativas são baseadas em histórias reais e trazem um incentivo para a sociedade repensar a importância das mulheres no mercado de trabalho. Clique aqui para acessar os títulos, que seguem disponíveis para ser baixados ou lidos online.

Gibis da Turma da Mônica 

Grandes aliados dos pais para despertar o gosto pela leitura nos pequenos, os gibis também têm representantes digitais nesta quarentena. O aplicativo Banca da Mônica, que traz diversos quadrinhos digitais com as as aventuras da Mônica e seus amigos, oferece algumas edições gratuitas para baixar na categoria “edições especiais”, entre as quais, “Trabalho infantil, nem de brincadeira!”. O app funciona por assinatura, mas esse pacote de gibis pode ser lido inteiramente grátis. É só baixá-lo no Android ou no iOS.

  • Reportagem atualizada em 01/01/2021.

Leia também: Jogos e livros podem ser usados para desenvolver habilidades nas crianças


Gostou do nosso conteúdo? Receba o melhor da Canguru News semanalmente no seu e-mail.

Jornalista formada pela Unesp. Foi trainee do jornal O Estado de S. Paulo e colaboradora em jornalismo da TV Unesp. Na faculdade, atuou como repórter e editora de internacional no site Webjornal Unesp e como repórter do Jornal Comunitário Voz do Nicéia. Também fez parte da Jornal Jr., empresa júnior de comunicação, e teve experiências como redatora e como assessora de comunicação e imprensa.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui