Meu filho não come nada verde, o que fazer?

13 sugestões para que as crianças mudem a rotina alimentar e passem a comer melhor

250
Menina encosta braços sobre mesa ao lado de prato com brócolis e legumes
Exclua do cardápio três alimentos que a criança não gosta de jeito nenhum, assim, ela não terá desculpas para não provar os demais
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais

Como mães, sempre temos a preocupação de que nossos filhos tenham refeições saudáveis e em porções adequadas, mas algumas crianças são mais seletivas com os alimentos, dificultando a hora das refeições. Este texto é dedicado para estas crianças e contém orientações valiosas para acabar com esse problema e melhorar a rotina alimentar delas. 

LEIA TAMBÉM:

Rotina alimentar: 13 dicas para seu filho comer de tudo

  1. Primeiro e mais importante: precisamos lembrar que nós, papais e mamães, somos o maior exemplo, então, para que nossos filhos comam bem precisamos antes de tudo ter hábitos alimentares saudáveis. Dessa forma eles podem se espelhar nessas boas práticas;

2. Fazer refeições em família é fundamental. Escolha pelo menos uma das grandes refeições do dia (café da manhã, almoço ou jantar) para que todos possam estar sentados à mesa, comendo juntos e tendo um momento de convívio prazeroso;

3. O ato de comer tem que ser gostoso, por isso, não reprima seu filho. Faça elogios por ele comer bem e comportar-se bem à mesa;

4. Faça o prato com porções pequenas e deixe que seu filho repita o prato se ainda estiver com fome. Não o obrigue a comer tudo, mas não deixe a criança repetir o prato caso ela ainda não tenha terminado, pois pode acabar comendo três bifes e nenhuma verdura;

5. Nunca deixe seu filho comer com distrações como televisão, celular ou tablet. É muito importante apreciar o que estamos comendo para evitar engasgos e aprender sobre a sensação de saciedade. Aproveite esse momento com o seu filho; 

6. Tenha uma rotina alimentar com horários certos para as refeições e lanches. Não ofereça guloseimas ou alimentos fora dos horários propostos;

7. Não troque uma refeição por um copo de leite, fruta ou chocolate. Se a criança não comeu, aguarde até a próxima refeição. Fazendo isso a criança aprende a comer no horário certo. Caso contrário, aprende que se fizer birra acaba conseguindo alguma coisa gostosa em troca;

8. Não prepare um cardápio especial para seus filhos. Todos devem comer os alimentos que estão disponíveis na mesa;

9. O prato deve conter cinco cores. Lembre-se que pratos coloridos são pratos saudáveis. O almoço e o jantar devem ser compostos por um carboidrato, uma carne, uma leguminosa, um legume e um vegetal;

10. Se seu filho diz que não quer experimentar certos alimentos porque não gosta, peça para ele escolher três que não gosta de jeito nenhum. Estes alimentos estão excluídos da lista, afinal é aceitável que uma pessoa não goste de três coisas, mas isso acaba com a desculpa para os outros;

11. Leve seu filho com você à feira, ao sacolão ou ao mercado e deixe-o escolher uma fruta e um legume para experimentar depois. Mostre todos os tipos de frutas, verduras e legumes, brinque de adivinhar o nome de cada um, deixe a criança observar a cor e a textura. Dessa maneira, estará mais familiarizado com os alimentos e ficará mais propenso a experimentá-los.

12. Cozinhe pelo menos uma vez por semana com a ajuda do seu filho. Escolha receitas fáceis como hambúrguer com cenoura, bolo de frutas, macarrão com legumes ou cookies de aveia. É uma ótima oportunidade de interação com seu filho e fará com que ele se familiarize com os alimentos, despertando sua curiosidade para experimentá-los.

13. Estimule seu filho a provar novos alimentos utilizando da sua criatividade. Faça pratos com carinhas, invente histórias com a comida, dê nome de super-heróis aos pratos, faça a refeição das princesas e tudo mais o que mais a sua imaginação permitir.

*Este texto é de responsabilidade do colunista e não reflete, necessariamente, a opinião da Canguru News.

Gostou do nosso conteúdo? Receba o melhor da Canguru News semanalmente no seu e-mail.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui