Sobre mestres e aprendizes

0
115
Tino Freitas coluna O Alvo

Os livros em destaque são recontos e apresentam o mesmo frescor de uma história narrada à moda antiga, transmitida entre gerações. Neles, dois mestres – um professor e um alfaiate – e duas crianças dialogam sobre como a vida pode ser percebida com leveza e sagacidade. Os escritores oferecem ao leitor do século XXI a delícia de, ao lerem o texto em voz alta, perceber-se mais que como um leitor: um grande narrador de histórias. Com o bônus de vivenciá-las não apenas no universo da oralidade, mas em livros incríveis também no apuro singular dos seus projetos gráficos e ilustrações.

Publicado originalmente em 2011, O ALVO (escrito por Ilan Brenman) recebeu láureas como O MELHOR LIVRO PARA CRIANÇAS da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil). No enredo, sempre que alguém procurava o velho professor para se queixar de algo, pedir alguma ajuda sobre como agir, o mestre contava uma história que norteava o ouvinte para a solução. Um dia uma criança perguntou como isso era possível. A resposta do mestre surpreende e emociona a todos os ouvintes. O projeto gráfico oferece o desafio de ilustrar com um pequeno orifício (o alvo) no meio das páginas. O que Renato Moriconi fez com maestria. 

Tino Freitas coluna

Em POUCO É MUITO, de Ana Lasevicius (primeira edição em 2016), é um alfaiate, avô de Davi, quem faz o papel de mestre. Ainda pequeno, o menino ganha um cobertor feito pelo avô. Mas com o tempo de uso a peça se desgasta e sua mãe diz: “Já está muito gasto, não dá mais para usar”. A partir daí o avô ensina que com pouco se faz muito e reveste aquele presente em formas distintas, aquecendo mais o afeto entre os dois. Até que chega o momento em que é o menino quem precisa mostrar que com pouco se faz muito. A nova edição apresenta capa dura e as maravilhosas ilustrações de Ionit Zilberman que amplificam na leitura a sensação de afeto do texto.

Sobre os autores dos livros:
O ALVO – Ilan Brenman, israelense, é escritor, psicólogo com cerca de 70 obras publicadas no Brasil e no exterior. Renato Moriconi, paulista, artista plástico cujo trabalho ilustra mais de 60 livros no Brasil e no exterior.
Ficha técnica: Texto de Ilan Brenman. Imagens de Renato Moriconi. Editora Moderna, 2019.

POUCO É MUITO – Ana Lasevicius, paulista, é escritora, radialista, documentarista. Também ministra cursos e oficinas para formação docente. Ionit Zilberman, israelense, é ilustradora. Sua arte está impressa em 50 livros infantis publicados no Brasil e no exterior.
Ficha técnica: Texto de Ana Lasevicius. Imagens de Ionit Zilberman. Editora Nós, 2019.  

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui