Veja 15 dicas para evitar afogamentos e acidentes aquáticos durante o verão

1141
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais

Por Rafaela Matias

piscina-crianca.jpg (247 KB)
Foto: Pixabay

 

 

Com a chegada do verão é preciso dobrar a atenção com as crianças nas piscinas. Bastam alguns minutos de distração para que um acidente ocorra. De acordo com a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa), 44% dos afogamentos acontecem entre os meses de novembro e fevereiro, quando as temperaturas mais altas são atrativas para atividades aquáticas. Entre as crianças com idades entre 1 e 9 anos, o afogamento é a segunda causa de óbito mais comum e 51% das mortes ocorrem em piscinas e residências. . Veja como prevenir acidentes em rios, piscinas e no mar e saiba como agir ao presenciar um afogamento.

15 maneiras de prevenir um afogamento:

  1. Crianças devem ficar a uma distância máxima de um braço do adulto responsável, mesmo que saibam nadar.
  2. Pais e responsáveis devem estabelecer regras rígidas de segurança.
  3. Nade onde exista a segurança de um salva-vidas e pergunte a ele onde é mais seguro.
  4. Sempre utilize colete salva-vidas em barcos e esportes com pranchas.
  5. Restrinja o acesso à área aquática com grades ou cercas transparentes.
  6. Em praias oceânicas mais de 85% dos afogamentos ocorrem em correntes de retorno. Saiba como reconhecê-las e evitá-las.
  7. Nade sempre acompanhado.
  8. Aprenda técnicas de salvamento aquático e primeiros socorros.
  9. Evite ingerir bebidas alcoólicas antes de se banhar.
  10. Não superestime sua capacidade de nadar – 50% dos afogados achavam que sabiam nadar.
  11. Não pratique hiperventilação para aumentar o fôlego.
  12. Sempre entre em água rasa ou desconhecida com os pés primeiro. Nunca pule de cabeça.
  13. Tome conhecimento das condições do ambiente e obedeça as sinalizações.
  14. Em correnteza, não lute. Flutue, erga uma das mãos e peça imediatamente por socorro.
  15. Não tente entrar na água para salvar, chame o socorro profissional (193), jogue algum material flutuante e aguarde.

Como agir ao presenciar um afogamento:

  1. Reconheça o afogamento. Os sinais são: banhista incapaz de deslocar-se ou em posição vertical na água com natação errática.
  2. Peça a alguém que chame por socorro (193).
  3. Observe ou peça a alguém que vigie a vítima dentro da água enquanto tenta ajudar.
  4. Pare o afogamento – forneça um flutuador.
  5. Tente ajudar sem entrar na água – mantenha sua segurança.
  6. Use uma vara ou corda para retirar o afogado.
  7. Só entre na água para socorrer se for seguro a você, e use algum material flutuante.

Para sua própria ajuda:

  1. Se você estiver se afogando, não entre em pânico, acene por socorro e flutue.
Fonte: Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui