Mulheres criam formas divertidas de falar sobre coronavírus com as crianças

0
como falar

Os casos de Covid-19, infecção respiratória causada pelo novo coronavírus, continuam aumentando no Brasil e no mundo. Inclusive, o fato levou a Organização Mundial de Saúde (OMS) a declarar o surto do vírus como uma pandemia, termo utilizado para doenças que têm casos registrados em todos os continentes. Como falar com as crianças sobre tudo isso? As informações que chegam podem ser desencontradas e confusas e é imprescindível que os pequenos entendam o tema, para contribuírem com os esforços de prevenção, se protegerem e também não se assustarem.

Mulheres atentas a essa situação criaram jeitos lúdicos de ensinar às crianças sobre o vírus e sobre os hábitos de higiene que servem para a prevenção. Confira abaixo. 

Leia também: Coronavírus: MEC e os governos estadual e municipal de São Paulo orientam escolas a não fecharem

Livreto ilustrado: como falar sobre coronavírus com os pequenos 

A psicóloga e professora colombiana Manuela Molina criou um tipo de livreto digital focado em crianças de 2 a 7 anos, que informa sobre o que é o vírus, como ele pode afetar os pequenos e como é possível se proteger e prevenir a infecção. O título do guia infantil é “Olá! Eu sou o coronavírus” (no original em espanhol, “¡Hola! Soy el Coronavirus”). 

O material foi divulgado em formato PDF no site de Molina, o MindHeart, e tem ilustrações coloridas e informações importantes para pais e filhos. Ele está disponível em português, espanhol, inglês e italiano e pode ser baixado aqui. Molina recomenda a impressão das páginas, já que há alguns espaços para as crianças completarem alguns desenhos. Além do site, Molina também tem o perfil MindHeart no Instagram, onde fala sobre assuntos relacionados à infância.

Leia também: Coronavírus: saiba quais são as recomendações para as crianças

Lavando as mãos com diversão

Lavar as mãos é um dos cuidados mais importantes para evitar a transmissão do novo coronavírus e de outras doenças, como a gripe, por exemplo. Mas pode ser um pouco difícil convencer os pequenos a transformar esse ritual em um hábito. A jornalista e apresentadora americana Savannah Guthrie, mãe uma menina de cinco anos, viralizou ao postar em seu Instagram um método para tornar o momento de higiene mais divertido, incentivando a filha a lavar as mãos com frequência: ela canta uma música inventada, enquanto lava as mãos com a menina. Confira o momento abaixo.

https://www.instagram.com/p/B9hrPARHc6E/?utm_source=ig_web_copy_link

A música, em inglês, diz: “Fazemos uma dancinha e esfregamos nossas mãos. Colocamos sabão debaixo das unhas. Como isso chama? O ‘shuffle’ (dança) do corona!”. Na legenda do vídeo, Guthrie escreveu: “Tornando a lavagem das mãos divertida. Tornando o corona menos assustador para os pequenos”.

A música é em inglês, mas nada impede que mães e pais brasileiros se inspirem no momento para criar suas próprias músicas para cantar lavando as mãos com os pequenos. É possível descrever cada passo do processo na música, tornando mais fácil de memorizar para os mais novinhos e deixando o momento mais lúdico, sem aquela cara de conversa séria e de “você tem que fazer assim”.

Outra boa sugestão é o vídeo (acima) que fazia parte do programa Castelo Rá-Tim-Bum, exibido na TV Cultura nos anos 1990. A música “Uma mão lava a outra” é de Arnaldo Antunes e depois ganhou uma nova versão em clip do grupo Palavra Cantada. Com o perdão do trocadilho: “mãos à obra”!

Quer receber mais conteúdos como esse? Clique aqui para assinar a nossa newsletter.


DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui