Qual a melhor mochila para ir à escola?

Pais iniciam preparação para a compra do material escolar: mochila nunca deve ultrapassar 10% do peso da criança

484
Retorno às aulas
Pais iniciam preparação para a volta às aulas: na lista de material escolar, é bom prestar atenção ao tipo de mochila que a criança vai usar

Chegou a hora de comprar as mochilas para iniciar o novo ano escolar. Com tantas opções é difícil saber qual a melhor. Aqui temos dicas ótimas para você comprar a mochila certa:

  • Leve seu filho junto para escolher, afinal é ele que vai usá-la todos os dias;
  • Escolha mochilas feitas com materiais leves e resistentes;
  • É importante que as alças sejam largas (mínimo de 4 cm), acolchoadas e ajustáveis para o maior conforto da criança;
  • Opções com cinto na cintura ajudam a distribuir melhor o peso;
  • Prefira modelos mais acolchoados nas costas, pois oferecem maior conforto;
  • A bolsa deve ser do tamanho das costas da criança e posicionada 5 cm abaixo da linha da cintura;
  • Mochilas de rodinhas podem ser ótimas opções. É importante certificar-se de que a alça para puxar a mochila chegue na altura da cintura da criança e que o caminho até a escola seja acessível a modelos que têm rodas;
  • Quanto mais divisórias a mala tiver, melhor ficará distribuído o material escolar dentro da bolsa, facilitando os estudos e a organização.

Agora, a dica de ouro:

  • A mochila com o material nunca deve ultrapassar 10% do peso da criança, pois isso pode prejudicar a postura e causar dores nas costas. Para alcançar essa meta, vale a pena investir em armários na escola ou fichários para que o aluno não precise levar vários cadernos pesados todos os dias.

Boa volta às aulas!


LEIA TAMBÉM


Pediatra, educadora parental e nefrologista infantil. Mãe do Lucas, 9 anos, e da Isabela, 3 anos. Formada em medicina pela Universidade São Francisco (SP) em 2006, com residência em pediatria pelo Hospital Menino Jesus de São Paulo, e especialização em nefrologia infantil pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Educadora Parental certificada pela Positive Discipline Association. Fez pediatria por vocação e tem como missão de vida tornar crianças e adultos felizes, respeitosos, com inteligência emocional, senso comunitário, física e emocionalmente saudáveis.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui