Sexualidade começa na infância – 4 dicas para lidar com o assunto em casa

0
191
sexualidade começa na infância

Por Phitters

Nossos filhos devem viver de forma plena e isso inclui a vida sexual.

Sem puritanismo, mas também sem falta de responsabilidade ou consciência do que realmente querem – e, não, seus amigos ou parceiros sugerem.

Essa consciência não é assunto só para a adolescência. A sexualidade começa na infância.

E a grande pergunta é:

– O que nós, como pais, fazemos hoje que irá influenciar as decisões futuras de nossos filhos?

A educação sexual começa na gestação. Quando descobrimos se é menino ou menina, e as reações que temos em cada cenário. Os comentários e as expectativas que criamos, a forma como nos comunicamos e os desejos que temos sobre seu comportamento na infância e vida adulta.

1. A informação leva a decisões mais conscientes:

Estudos mostram que abordar o assunto com naturalidade e informar os filhos adequadamente está associado ao início tardio da atividade sexual por adolescentes.

É fundamental sempre responder ao que a criança pergunta, para que ela não vá buscar na rua a informação que não teve em casa.

2. As respostas precisam se adequar a idade:

Cada fase requer um tipo de resposta diferente. Saber esclarecer as dúvidas sem deixar a criança confusa é o desafio dos pais.

3. Sexo e sexualidade é assunto do dia a dia:

Achamos que chegará o dia em que vamos dar uma aula para nossos filhos sobre o assunto, mas não é esse o caminho.

O ‘assunto’  está no nosso cotidiano, nos comentários que fazemos, nas ações tanto com nosso parceiro quanto com nossa família e amigos.

4. Em caso de surpresas, tudo bem se não tivermos uma resposta na ponta da língua.

Podemos falar que vamos pesquisar ou pensar melhor, e então esclarecemos a dúvida assim que possível. Isso dá tempo para organizarmos nossas ideias e conseguirmos explicar a questão da melhor forma possível.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui