7 erros que pais de filhos adolescentes cometem

É fundamental investir no diálogo para que não se crie um abismo que pode ser irreversível mais tarde na relação entre pais e filhos

7876
Pais de adolescentes: 7 erros que eles costumam cometer
Embora os adolescentes não gostem de dar satisfações, os pais sabem que eles ainda são imaturos
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais
Buscador de educadores parentais

A adolescência pode ser uma fase difícil, tanto para os filhos como para os pais. As constantes alterações de humor e a mudança nítida do comportamento deixam muitos pais de adolescentes angustiados, que não raro sentem-se perdidos e acabam cometendo erros que só os afastam de seus filhos. Para ajudar os pais a mostraram-se próximos e presentes dos filhos mesmo na adolescência, abaixo listei os sete principais erros cometidos por pais de adolescentes

1º erro: Minimizar as descobertas

Os pais tendem a pensar que sabem o que o filho está passando por algo que já passaram na adolescência e isso é um erro pois cada pessoa é única e vive suas próprias experiências.

Então respeite o momento do seu filho e não imponha a sua maneira de pensar. Todos passamos por dificuldades e decepções e com os jovens é igual. Deixe que vivam suas experiências e amadureçam com isso.

2º erro: Perder o controle

Embora os adolescentes não gostem de dar satisfações e se achem maduros para tomar as próprias decisões, os pais sabem que ainda há muita imaturidade e impulsividade nas decisões, por isso não devem se afastar dos filhos.

Nessa fase da adolescência, as orientações e conselhos precisam acontecer de uma forma natural, sem que soe para o jovem como imposição ou intromissão. Para isso deve-se tratar o adolescente com respeito para que ele retribua da mesma maneira. 

Exercite o diálogo e, com o tempo, as conversas passarão a acontecer de forma natural e os conselhos e orientações serão passados e ouvidos. Normalmente, quando os filhos se fecham é porque se sentem julgados e não escutados.

Leia também: Adolescência em foco: deixar crescer, sem descuidar

3º erro: Liberdade

A liberdade do adolescente deve ser dada, sempre na medida certa. Não impeça, por exemplo, que seu filho durma na casa de um amigo, mas ligue para os pais desse amigo e certifique-se de que é seguro.

Nessa fase, os filhos também querem sair e ir à festas. Pondere sobre o tipo de festa e deixe-o ir. Além disso você pode combinar um horário que seja condizente com a idade dele.

Observe os comportamentos do seu filho após essas permissões de liberdade e vá conversando com ele sobre escolhas e sobre confiança. 

4º erro: Cobrança excessiva

Ninguém gosta de se sentir cobrado o tempo inteiro. Óbvio que você quer que seu filho estude, tenha um bom futuro, um relacionamento legal e etc., mas passar o tempo todo cobrando pode gerar um grande problema.

A dica é encontrar uma boa forma de mostrar a importância de determinada atividade na vida do filho, sempre com afeto, intercalando a cobrança com carinho, diálogo e descontração.

Leia também: Saiba como reativar a conexão e ajudar seu filho adolescente

5º erro: Causar constrangimento

Entenda que é muito comum que os filhos adolescentes sintam vergonha dos pais, por isso evite expor sua intimidade, por exemplo, na frente de outras pessoas.

Praticar o respeito, não ridicularizando suas roupas, comentando sobre a namoradinha ou abraçando e beijando em público, será de grande ajuda. Os momentos com o seu filho adolescente ainda podem ser legais, divertidos e descontraídos, mas sempre adotando a postura de pais e protegendo o seu filho.

Leia também: Criando filhos responsáveis

6º erro: Demonstrar desconfiança

Vigiar é totalmente diferente de querer ter a certeza que seu filho está seguro. Isso só faz com que o adolescente pense que os pais não confiam nele independente de ele estar fazendo algo certo ou errado.

O importante é mostrar que você confia no bom senso e na capacidade do seu filho de fazer as escolhas certas, sempre supervisionando e orientando.

7º erro: Idealizar o filho

Um dos maiores erros dos pais de adolescentes é se comunicar com um filho idealizado. O filho perfeito, que é bom em tudo, se veste da forma certa, é educado, gentil, sociável e inteligente.

Não aceitar os defeitos que vêm com a adolescência, só causa mais desconexão entre pais e filhos. Se você está com dificuldades para aceitar a adolescência e a todo momento e compara com a criança fofa e educada, é preciso parar para refletir.

Entenda que a maior parte dos atritos que acontecem é justamente porque os pais têm dificuldade de entender que os filhos, muitas vezes, têm opiniões diferentes das suas e querem algo diferente do que os pais julgam o melhor.

O importante é trabalhar no diálogo para que não se crie um abismo que pode ser irreversível mais tarde na relação entre pais e filhos.

Para isso é preciso paciência, estar aberto para ser questionado e ter humildade suficiente para saber que você também pode aprender com seu filho adolescente.

Leia também: Crianças e adolescentes conectados ajudam os pais a usarem a internet, revela pesquisa

Quer receber mais conteúdos como esse? Clique aqui para assinar a nossa newsletter.

3 COMENTÁRIOS

  1. Minha mãe e meu pai não levam a sério nada oque eu falo tava falando a construção da minha escola que tá desde 2020 sendo construída e não termina falei que eles deveriam reclamar com o núcleo sobre a demora mas daí fizeram piada do meu diretor falando “faz o L” e tipo nem é culpa dele é eles levaram na brincadeira sendo que estava falando sério isso me deixa triste demais

  2. Sla vei, tenho 16 anos,meu irmão 17, agente não da trabalho nenhum, minha mãe só pq eu e meu irmao suja 2 ou 3 copos ja nos xingam,minha mãe passa agente na vergonha,
    Minha mãe dá 10 reais depois joga na nossa cara,
    Toda vez fala que agente não paga nd, nem põe nada dentro de casa, manda agente tomar no c*, manda agente se fuder, ela não gosta de investir na gente sabe.
    Isso só é a metade da historia, pq ela nem criou agente.
    Mas é isso,não fosse Deus na minha vida eu ja teria tirado minha vida.

    • Sinto muito mesmo. Só mãe e estou buscando aqui como dialogar com o meu filho. Que o senhor te ajude. Em Deus você têm um pai amoroso. Pode uma mãe esquecer do seu filho? Mas ainda que esqueça Deus jamais esquece.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui