Passeios ao clube também exigem atenção com os gastos

Nada melhor que fazer combinados com as crianças para que as despesas não extrapolem o orçamento - e isso vale inclusive para as idas ao clube

124
Menina está naboia em piscina e brinca com amigos
Gastos maiores no clube podem ser reservados para o almoço em dias na piscina, sugere Carlos Eduardo

Quando eu era criança, fomos sócios de um clube de lazer por um período. Apesar de ter sido por pouco tempo, guardei boas recordações dos momentos passados lá com meus pais e meus irmãos. Depois, meu pai resolveu construir uma casa à beira do lago de Furnas. Era em um clube náutico. Lembro com muito carinho dos feriados e férias que passei por lá. Foram momentos bem divertidos nas piscinas, nas quadras e no lago.

Quando nos casamos, eu e a Gabriela tínhamos entre nossos objetivos comprar a cota de um clube. E acabou surgindo uma boa oportunidade. Uma tia estava vendendo a cota que ela tinha no melhor clube de Belo Horizonte. Combinamos o preço e ela ainda facilitou o negócio. E pouco tempo depois, após uma ampla reforma na unidade principal, a cota se valorizou bastante.

Com a chegada da Maria Eduarda, passamos a frequentar mais assiduamente o clube. E ela adorava. Depois vieram as aulas de natação e as colônias de férias. A Duda passou a conhecer todos os cantinhos do clube. O João Pedro vai pelo mesmo caminho. Está no curso de iniciação esportiva. E ainda não participou das colônias de férias em virtude da pandemia.

Em resumo, ir ao clube é uma das opções de lazer preferida aqui em casa. E organizamos o nosso orçamento de acordo com essa preferência. Há o gasto mensal com o condomínio do clube e também os gastos que variam a cada ida nossa. É preciso planejamento e negociação com as crianças para que esses gastos não comprometam o orçamento. Temos nossos combinados.

Nos dias em que vamos ao clube somente para as aulas, não há previsão para gastos. Quando o objetivo é usar as piscinas, mas vamos ficar por pouco tempo, o combinado é fazer um lanche, se tivermos fome. E juntos escolhemos o que comer. Se depender dos dois, açaí é sempre o eleito! Se vamos ficar por mais tempo no clube, combinamos então de almoçar por lá. E levamos alguma coisa para as crianças comerem, caso sintam fome antes da hora do almoço.


LEIA TAMBÉM:


Gostou do nosso conteúdo? Receba o melhor da Canguru News semanalmente no seu e-mail.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Seu nome aqui